sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Sucesso pós-Crepúsculo será com... zumbis?

Claro, todo grande sucesso que nem Crepúsculo terá suas comparações a partir de agora, como compararam e  criaram a tal rixa entre vampiros e bruxos. Mas agora, parece que o próximo sucesso cinematográfico não terá nenhuma dessas duas espécies. O que nos trazem agora são zumbis. Warm Bloodies (Sangue Quente) é a nova promessa da literatura adaptada para o cinema de grande sucesso.


twilight saga, crep�sculo,robert pattinson,promo��o,design
Era de se esperar que o enorme sucesso de Crepúsculo teria muitas consequências no mundo cinematográfico. A primeira, obviamente, a piora de nível do que se estreia, mas também o fato de que muitos clones parecem dispostos a repetir o sucesso da série de filmes estrelada por Kristen Stewart, Robert Pattinson e Taylor Lautner. 
Há alguns meses, meu companheiro Juan Luis trouxe a primeira imagem desse filme, ou como é definida, a versão zumbi de Crepúsculo. E agora trago novas imagens de Warm Bodies onde podemos avaliar melhor a natureza de seu protagonista. 
O enredo do filme já deixa bem claro o que podemos esperar: R é um morto-vivo, como os de sua espécie, que se dedica a comer cérebros humanos que cruzam o seu caminho. Mas um belo dia salva a vida de uma mulher, dado a particularidade de que acabara de comer o cérebro de seu namorado. Ela, agitada com tudo que está acontecendo, decide começar uma relação amorosa com ele, algo que pode perturbar gravemente a ordem natural das coisas. Os protagonistas de Warm Bodies são Nicholas Hoult (X-men: First Class) na versão zumbi de Edward (só de ver a imagem que ilustra o post pode-se notar que isto está bem claro) e Teresa Palmer (I am number four) como a nova Bella. Sei que não é a primeira vez que dizem que um filme pode ser o novoCrepúsculo, mas dessa vez acho que não há margens para dúvidas.
Como todo mundo precisa comer para sobreviver, compreendo a inclusão de John Malkovich no elenco, que também é integrado por Rob Corddry, Analeigh Tipton, Dave Franco e Cory Hardrict. Algo semelhante ao caso de Malokovich acontece com o fato de encontrarmos Jonathan Levine na direção (ele também escreveu o roteiro), o qual havia ganhado certa reputação nos últimos meses graças a 50/50, um dos muitos esquecidos nas recentes indicações ao Oscar. Além disso, o filme toma como base o livro de Isaac Marion que certamente tem pouco a invejar da escrita de Stephenie Meyer, com o qual abre caminho para o dia 10 de agosto de 2012, data de estreia do filme nos Estados Unidos.

Pra vocês, essa nova série substituirá Crepúsculo?




Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada

The Twilight Saga - Breaking Dawn - Part 2